02 maio 2014

Tell 'em that is my birthady, When I party like that

20 comentários

Abril terminou e com um resumo: acho que foi um dos melhores meses do ano até agora. Várias coisas legais aconteceram. Li razoavelmente bem (bons livros), assisti dois filmes a menos do que pretendia, no entanto gostei muito de todos, assisti também a uma série INCRÍVEL (how i met your mother na veia, todo resto na cadeia). Fui a duas (!!) festas de quinze anos, entre outras coisas que contarei ao longo do post.


Comecei o mês terminando O Retrato de Dorian Gray (contraditório). É realmente um clássico, então pouco a declarar haha A mensagem de "o que importa é o interior" fica bem evidente, e a narrativa é até simples (mas incrível). Gostei muito, indicadíssimo. E agora estou louca pela versão sem censura (li para a escola).
Isurgente e Convergente foram surpresas extremamente boas: a autora e os personagens evoluem muito nesses dois últimos livros da trilogia. Ousaria até dizer que no terceiro a narrativa parece de outro escritor se comparada a do primeiro livro (ganha mais detalhes). Não falarei tanto assim da série porque pretendo fazer um post falando sobre ela, a adaptação pro cinema, os contos, e tudo mais sobre esse universo de Divergente (pelo qual, assumo: estou apaixonada haha).
Cidades de Papel foi outra surpresa positiva. Nesse livro o John conta a história de Margo e Quentin. Ambos se conhecem desde pequenos, e Quentin sempre foi apaixonado por Margo. No entanto ela se torna popular na escola e é uma garota um tanto quanto complicada. No ano de formatura deles ela some, então ele e seus amigos partem em busca de pistas sobre seu paradeiro. É um livro muito gostoso de se ler, a narrativa do John te leva, os personagens são extremamente amáveis (estou com saudade deles haha). Prometo resenha por ter sido uma leitura incrível.
O Teorema Katherine é aquele livro do John que muita gente não gosta. No entanto quero ler todos livros dele. Então, comecei. Ainda estou no comecinho, então no próximo resumo conto mais do que achei. Em suma estou gostando: narrativa em terceira pessoa, me identifiquei com o medo do personagem principal de ser um "prodígio frustrado" (não que eu seja um prodígio, mas ta), piadinhas básicas do autor. "Sounds Fun"

Missão Madrinha de Casamento faz aquele estilo "comédia romântica, amigas, festa de casamento". Mas ainda assim, vi coisas além disso nele. A personagem principal (amiga da noiva) está com a vida de cabeça pra baixo, e adivinhem só: quando assisti eu também estava. Celular quebrado, computador pifado, tinha sido despedida e terminado com meu namorado (ignorem os dois últimos, exagero porque nunca tive nem um e muito menos o outro). Brincadeiras a parte: o filme é bacana pra assistir em momentos de fossa.
Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças dispensa comentários: meu novo filme favorito. Contei o porque de tanto amor, nesse post: aqui.
O Retrato de Dorian Gray assisti por conta do livro para ver se adaptação é fiel. E posso dizer que sim. Só o final é um pouco diferente. Mas de qualquer maneira indico que leia o livro primeiro e depois assista-o, porque ambos valem a pena.
Os Delírios de Consumo de Becky Bloom é mais uma comédia romântica. E claro, sou mulher, tenho um fraquinho pra elas... É inspirado no livro da Sophie Kinsella, uma autora que eu sempre tive vontade de ler. Na história Becky é uma jornalista endividada e viciada em compras, que por ironia do destino acaba escrevendo em uma revista de economia. Claro que ela conhece um cara, e tudo da certo (mesmo de certa maneira dando errado) na vida dela. Fãs de chick-lits: corram pra assistir.
Divergente é uma trilogia que tem todo meu amor. E a adaptação não fica atrás. Gostei bastante, a escolha do elenco e das cenas que apareceriam em base me agradou. Só senti falta de um destaque para certos relacionamentos, algumas coisas simplesmente foram esquecidas no livro, e para quem não leu, uma pulguinha deve ter ficado atrás da orelha. Suspiros com o fim, que me deixou surpresa (que façam parecido em todos os filmes haha).
O Verão da minha Vida foi um filme bem "o.k.". Não gostei muito e nem pouco. O elenco é bacana, a trilha-sonora, fotografia também. Talvez só o enredo meio parado não tenha me agradado tanto assim.


AMÁVEL, AMÁVEL, AMÁVEL. 

Já compartilhei meu amor por essa série na página do blog no Facebook e quero compartilhar mais aqui: a trilha-sonora, os atores, os personagens, o mistério, as pidas, o universo da série. É TUDO INCRÍVEL. Como a série tem 9 temporadas, e gira em torno desse "mistério" de como Ted conheceu a mãe de seus filhos... Decidi terminar todas as temporadas (estou no fim da segunda, iupi!) e depois vir contar pra vocês o que achei de todas. Então a série do desafio de abril pode ter o post adiado por um tempinho, mas aguardem, porque prometo que valerá a espera!

Algumas (várias) coisas aconteceram em Abril.
1- Minha mãe assinou Netflix! :D
2- Ganhei um celular novo: o antigo caiu no chão e adivinhem seu destino: tela rachada. Infelizmente. Ainda assim, isso foi "bom". Já que o antigo estava velhinho, com uns dois anos de uso e ficando lerdo. Esse (X-peria da Sony) é beeem melhor. A câmera é minha nova paixão (5mp de puro amor).
3- Começamos um projeto na escola, da feira cultural. Minha sala falara sobre Einstein e só chutem quem vai interpreta-lo no teatro. Sim, eu. Isso está me afetando bastante haha
4- Fui a duas festas: ambas de 15 anos. Uma a fantasia da Isa (princesa da foto) na qual eu fui fantasiada com uma roupa dos anos 60, e a outra de uma amiga de curso. Foi de debutante e muito legal também.
5- Eu e a Gi fomos assistir Divergente juntas (e ela acabou me presenteando com um livro de contos do Sherlock Holmes).
6- Assisti a um musical incrível, sobre a vida e carreira de Elis Regina. É maravilhoso, falando sério.


Músicas de Abril de 2014 by Midria da Silva Pereira on Grooveshark
Conheci bastante coisa bacana em relação a músicas esse mês, algumas por conta de How I Met Your Mother (já falei que vocês devem assistir essa série, tipo, JÁ?). Tive uma básica depressão musical por não ter ido ao Lollapalooza. E fiquei apaixonada por dois covers (que não estão na playlist): o primeiro de uma batalha do The Voice, com a música Climax do Usher, aqui (FEELS EXTREMAS COM ESSE JAKE BARKER). E o outro, uma versão fofíssima de Sweater Weather do The Neighbourhood pela Kina Grannis: aqui
E aproveitando o clima de festas de 15 anos pra dizer que esse mês posto sobre como foi a minha (depois de anos haha). Finalmente, esse foi meu mês de Abril. Como foi o de vocês? 

20 comentários:

  1. Vou te falar que meses agitados você teve.Olha, dos livros do John Green que você chegou a ler tive inúmeros problemas. Não sei bem, mas não curti muito! Agora, quero tempo para assistir, O Verão para toda vida, O Retrato e o Eterno Brilho. Ahh! Tempo vem em mim!

    Um Spoiler A Mais

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim haha <3 Estou dando uma chance pro Teorema, Cidades eu gostei hehe Recomendo muito, muuuito, muitíssimo mesmo Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças <3 Assista tipo já, ok? ♥

      Excluir
  2. NECESSITO começar a ler essa série Divergente. Em todo canto que eu olho só vejo comentários positivos heheheh ah, "how i met your mother" é uma das minhas séries favoritas!!! É tão ♥

    www.voamari.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, leia! Indico muito <333 Se tornou uma das minhas também! :DDD

      PS: maneira no amor com esse comentário e sua visita no blog haha ♥ (I'M SHAKING MARI) ♥

      Excluir
  3. Eu assisti ao filme Divergente e simplesmente adorei!
    Por esse motivo, acho que vou ler a série e você só me incentivou mais a isso!
    Realmente seu mês foi bem badalado e bom n´pe? Adorei as leituras e os filmes!

    Beijos,
    www.miragemreal.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim <3 Leia, que bom que gostou do filme :3 Foi badalado mesmo haha

      Excluir
  4. Oi, Midria, tudo bem? De tudo o que você citou, eu só li os livros do John Green e li Delírios de Consumo, mas não assisti o filme ainda. É incrível, eu posso assistir inúmeros episódios de uma série sem me cansar, mas tenho preguiça de assistir um filmezinho que seja. Bom, quanto aos livros do Green eu sou um pouco suspeita para falar, o autor é o meu queridinho no genero YA, Amei Cidades de Papel, entretanto não gostei muito de O Teorema Katherine. Já leu Quem é você, Alasca?? É o que eu mais gosto.

    Beijinhos,
    Isa - www.entreparagrafos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo Isa <3 haha Também estou pegando esse impaciência em relação aos filmes. Assistindo vários episódios das séries que eu acompanho e pros filmes, quando começo a assistir fico sem paciência alguma D: Idem pra Cidades de Papel :) Li Quem é você, Alasca? sim! É meu favorito do John também ♥♥♥♥♥

      Excluir
  5. Preciso começar dizendo que adorei o título da postagem ahahah essa música é demais!
    Midria, toda vez que você posta o resumo do seu mês eu me sinto uma procrastinadora profissional. Sério, me ensina a administrar meu tempo como você e conseguir assistir/ler esse tanto de coisa porque os tempos estão difíceis por aqui (meu calendário de séries que o diga...........).
    Tenho muita vontade de ler e assistir "O Retrato de Dorian Gray", mas uma vez vi o trailer do filme e eu, como boa medrosa que sou, já fiquei com um pé atrás.
    PRECISO de fotos de Midria Einsten na peça pra já! Não fique afetada, tenho certeza que você se sairá muito bem :-) A PLAYLIST DO MÊS TÁ MUITO AMOR!!!! ♥ The Suburbs ♥, Starlight, Let Her Go, Love Song... Ai, amei! ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei pensando num título, dai a música me veio na cabeça <33 Nataly...eu sou procrastinadora com mestrado. Juro. Estudo a noite e além disso só faço curso de inglês e teatro. Ou seja: segundas, quartas, meias-quintas e sextas eu não faço nada além de ir pra escola :s
      Minha amiga me amedrontou e disse que eu não devia assistir O Retaro de Dorian Gray. Fiquei pensativa, mas olha: não tem nada demais. Sendo sincera eu também sou meio receosa e fico sem dormir depois. Mas não senti nada demais assistindo e consegui dormir UHEUEH Podexá <3 Quando eu me vestir tiro foto e mando pra você (por favor, por e-mail e anonimamente haha) ♥ coraçõezinhos pro seus comentário ♥

      Excluir
  6. Estou louca pra ler Divergente, todo mundo diz que é ótimo e ainda não tive tempo de ver um filme, fico adiando pra ve-lo igual faço com o Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, que todo mundo diz que é a+. Seu mês foi ótimo, espero que os outros continuem sendo assim! É bom ter um mês ''corrido'', melhor do que um mês tedioso sem fazer nada :c
    Beijão

    goingto-california.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia Dievergente o quanto antes <3 E assista ambos os filmes, principalmente Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças <33333333 Tomara que sim :DD Concordo, março foi assim, odiei <3

      Excluir
  7. Parece que foi o máximo! Ahh, Divergente!! Adoro! hehe
    beijos
    http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não tive tempo para ver o filme Divergente louca pra ver.
    Abri super animado :D
    www.garotasdemustache.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom, veja <3 Foi mesmo hehe :D

      Excluir
  9. Queria começar a ler Divergente mas tenho que comprar o livro primeiro, o filme de tirar o folego né? haha E eu levo minha vida assistindo filmes e series no megafilmeshd mesmo, nada de netflix pra mim :/ E amei a seleção de musicas, vou ficar vindo aqui toda hora só pra ouvir, sou apaixonada por Human, uma das minhas musicas favoritas <3

    http://whyalasca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corri pro e-book pra ler antes de ver o filme haha Sim <3 Ele é incrível! Sai da vida de megafilmeshd HUSHUASHUAHS Olha, o netflix não é caro balançando custo x beneficio ;) Vale a pena. Human é linda :O

      Excluir
  10. Haha eu me lembro que quando a minha mãe assinou à Netflix, eu quase nem saía de casa hehe. O meu namorado é viciado na série How I Met Your Mother, e com isso eu comecei a acompanhar, acho o Barney engraçado demais, e me identifico com a Lily (já que somos ruivas haha). Você acredita que eu assisti o filme Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças pela primera vez só mês passado? Não sei porque demorei tanto para assistir, mas depois que eu assisti amei! Eu gosto bastante do filme Os Delírios de Consumo de Becky Bloom, mesmo fazendo um tempinho que não assisto, achei super legal hehe Beijo http://infectedbyculture.blogspot.com.br :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou assim <3333 HIMYM é muito bom, quero um namorado que goste também ( (Ted Feels, em busca da mulher que goste de cachorros) haha Eu sempre ouvi falarem de Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, mas nunca assistia como você HUAHSUHSAUHS Também gostei de Os Delírios de Consumo de Becky Bloom, bem divertido :D Beijão!

      Excluir